Menu
Bufotenina

C12H16N2O


Bufotenina

Já ouviu aquela história de bruxas que faziam poções mágicas com sapos? Pois é, o Mundo da Keka descobriu que na pele dos sapos existem substâncias chamadas bufotoxinas, que são tóxicas e encontradas em muitos sapos do gênero Bufo, como o Bufo marinus. A exata composição varia de acordo com a fonte da toxina. Ela pode conter bufaginas, bufotalina, bufotenina, bufotionina, adrenalina, norepinefrina e serotonina.


Bufotenina

A bufotenina (n-dimetil-5-hidroxitriptamina) é um alcalóide com efeitos alucinógenos, derivado da serotonina, por dimetilação do seu grupo amina. Foi primeiramente isolada, a partir de pele de sapo, e nomeada pelo químico austríaco Handovsky, na Universidade de Praga durante Segunda Guerra Mundial. A estrutura da bufotenina foi confirmada pela primeira vez em 1934, pelo laboratório de Heinrich Wieland, em Munique, e o primeiro relato da sua síntese, por Toshio Hoshino. em 1936.


Bufotenina

Fonte:

http://aventurasempalavras.blogspot.com/2009/02/formulas-magicas-perimetro.html