Menu

Espilantol - C14H23NO


Essa molécula é o princípio ativo presente na planta Jambu e apresenta o grupo funcional amida. Tem propriedades como efeito anestésico, antioxidante, anti-inflamatória, ovicida e larvicida (contra mosquitos Aedes aegypti e Anopheles culicifacies). O seu potencial econômico inclui a sua utilização em produtos farmacêuticos e também gastronômicos.

É uma planta cultivada na região norte do país, geralmente rasteira com folhas pequenas e flores amarelas. É popularmente conhecido como agrião-do-Pará, agrião-do-norte, jambuaçú, botão-de-ouro e agrião-bravo. Suas folhas e caules são bastante utilizados na culinária para o preparo de pratos típicos como o tacacá e o pato no tucupi.



Figura 1. Jambu - Acmella oleracea - é uma erva típica da região norte do Brasil, mais precisamente no Pará.


O diferencial desta erva não é o sabor, e sim a sensação de dormência e formigamento que causa nos lábios, língua e céu da boca, o que proporciona uma experiência gastronômica exótica, sendo utilizada no preparo de alimentos e bebidas, como cachaças.

 

 

Fontes:

Imagem Molécula
https://pt.wikipedia.org/wiki/Jambu acesado em 09/09/17
Figura 1 e informações
http://www.unicamp.br/unicamp/ju/noticias/2017/08/04/pesquisadores-da-unicamp-obtem-extrato-de-jambu-para-fabricacao-de acessado em 09/09/17
Jambu: múltiplas aplicações para a planta da culinária amazônica
https://www.inovacao.unicamp.br/reportagem/jambu-multiplas-aplicacoes-para-planta-da-culinaria-amazonica/ acessado em 09/09/17
COSTA, S. S. ; ARUMUGAM, D. ; GARIEPY, Y. ; ROCHA, S. C. S. ; RAGHAVAN, V. . Spilanthol extraction using microwave: calibration curve for gas chromatography. Chemical Engineering Transactions, v. 32, p. 1783-1788, 2013.