Menu
Ozônio

O3

O Ozônio (O3), é uma variedade alotrópica do elemento oxigênio (O), que ao invés de dois átomos contém três. A molécula é formada por1 ligação covalente e uma ligação coordenada. É uma estrutura instável. Sua coloração é azul pálida. Este gás, é extremamente oxidante e reativo, ocorre naturalmente na estratosfera, onde forma a camada de ozônio (“bom ozônio”).


Ozônio

A camada de ozônio tem um papel importante, pois impede que boa parte dos raios ultravioleta do Sol chegue à superfície terrestre. O excesso desses raios pode causar, no ser humano, lesões nos olhos, na pele e no sistema imunológico; além disso, nos seres fotossintetizantes, interfere na fotossíntese, diminuindo o rendimento das lavouras e matando o alimento dos peixes pequenos, o que prejudica a vida nos oceanos. O buraco nessa camada, permite a entrada dessa radiação, por isso a preocupação dos cientistas em combater substâncias, como os CFCs, que provocam esses buracos.

A composição química do ozônio foi estabelecida em 1872. Naquela época se descobriu que é cinqüenta por cento mais denso que o oxigênio. O gás se liquefaz à temperatura de -112° C, seu ponto de congelamento se dá a -251,4° C e sua decomposição ocorre acima de 100° C, ou em temperatura ambiente quando usados catalisadores. Liquefeito, sua coloração é azul-escura.

Na indústria, o ozônio é utilizado em misturas com outros gases devido à sua poderosa capacidade como agente oxidante, sobretudo na transformação de alcenos em aldeídos, cetonas ou ácidos carboxílicos. Também é um poderoso germicida, empregado na esterilização de água potável e na remoção de sabores e odores indesejáveis. Também serve como agente branqueador para compostos orgânicos.

O ozônio também pode ser prejudicial (“mau Ozônio”), quando encontrado na baixa atmosfera (troposfera), causando irritações nas mucosas, olhos, problemas respiratórios, danos aos materiais, etc. Esse ozônio troposférico é formado a partir de outros poluentes na presença da luz solar (reações fotoquímicas). É monitorado diarimante para se ter um controle da qualidade do ar. Muito O3 na atmosfera não indica uma boa qualidade do ar. Também é responsável pelo smog fotoquímico (névoa branca).