Menu
Dióxido de Urânio

UO2

É um óxido composto de Urânio e Oxigênio (bolinhas vermelhas). É um pó preto, cristalino e radioativo que ocorre naturalmente no mineral pechblenda e uraninita. É largamente utilizado em barras de combustível nuclear nos reatores nucleares. Antes de 1960 era utilizado como corante amarelo e preto em esmaltes cerâmicos e vidros.


Dióxido de Urânio

O urânio é o último elemento químico natural da tabela periódica. É o átomo com o núcleo mais pesado que existe naturalmente na Terra: contem 92 prótons e 135 a 148 nêutrons. Quando puro, é um sólido, metálico e radioativo, muito duro e denso, de aspecto cinza a branco prateado, muito semelhante à coloração do níquel. Foi descoberto em 1789 pelo alemão Martin Klaproth. Foi o primeiro elemento onde se descobriu a propriedade da radioatividade.

O maior depósito do mundo de uraninita situa-se nas minas de Leopoldville no Congo, na África. Outros minerais que contêm urânio são a euxenita, acarnotita, a branerita, a torbernite e a coffinita. Os principais depósitos destes minérios situam-se nos Estados Unidos, Canadá, Rússia e França. O Brasil ocupa a sexta posição no ranking mundial de reservas de urânio. As duas principais reservas são a de Caetité (Bahia-mina Lagoa Real), e a de Santa Quitéria (Ceará) (ver figura 1).


Dióxido de Urânio

Figura 1. Principais reservas de Urânio no Brasil (1).

Na utilização do Urânio como fonte de energia (Usinas Nucleares), ocorre o processo de Fissão Nuclear, que é a quebra do núcleo de um átomo instável em dois menores e mais leves, após a colisão da partícula nêutron no mesmo (figura 2).


Dióxido de Urânio

Figura 2. Diagrama representativo da fissão nuclear do átomo de urânio: o nêutron se colide com o núcleo que fica instável e se divide em dois novos menores e mais leves (bário e criptônio), que por sua vez se desintegram em energia, radiação gama e alguns nêutrons (1).

A Radiação Gama é uma radiação ionizante, ou seja, ela penetra os materiais e a pele (figura 3), atacando o DNA da célula, e assim, trazendo conseqüências como queimaduras e câncer.


Dióxido de Urânio

Figura 3. Efeito da radiação nos materiais (2)

Vídeo: Efeitos Biológicos da Radiação

Fonte:

Fonte 1 - (1) Urânio
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ur%C3%A2nio
- acessado em 29/03/11

Fonte 2 - (2) Radiação
http://biobcj.wikispaces.com/Radia%C3%A7%C3%A3o - acessado em 30/03/11