Menu
Por que alguns chicletes fazem bola e outros não?

Porque são feitos com produtos diferentes. O ingrediente plástico misturado às gomas que fazem bola é mais elástico do que o que compõe as gomas mais simples. É tudo uma questão de química: "Os plásticos usados nos chicles de bola são formados por cadeias moleculares mais longas, o que lhes confere mais elasticidade", diz o engenheiro químico Múcio Paulo de Almeida, da Adams. Um dos plásticos mais usados nas gomas "infláveis" é o acetato de polivinila, que, além de ser ultra-elástico, ganha uma forcinha dos óleos vegetais (como o óleo de milho) na hora do puxa-puxa. Com a elasticidade garantida, basta ter habilidade para posicionar o chiclete na frente da língua, soprar, fazer aquele bolão irado e voltar a mascar de novo.

Por que ele fica duro depois de um tempo?

Porque o açúcar, responsável pela maciez do chiclete, vai se perdendo conforme mastigamos a goma. É por isso que o chiclete começa doce e depois de um tempo fica sem gosto: assim como os aromas artificiais, o açúcar vai sendo engolido junto com a saliva a cada mastigada. Sobra só a borracha, dura e esbranquiçada.

Como funcionam os chicletes medicinais?

Simples: a indústria coloca o princípio ativo do medicamento na receita do chiclete. A mastigação libera pouco a pouco o composto medicinal. Existem chicletes com nicotina, para quem quer parar de fumar; com guaraná, para segurar o sono; e até uma novidade promissora: chiclete com citrato de sildenafilo, o princípio ativo do Viagra.

Por que o chiclete não gruda nos dentes?

Porque o dente é uma superfície muito lisa e molhada. Para grudar, o chiclete precisa de uma superfície minimamente porosa e áspera - quem nunca grudou um embaixo da carteira de madeira da escola? Além de ser liso e compacto como o vidro, o dente conta com a saliva, que o deixa ainda mais escorregadio.

O chiclete protege mesmo os dentes?

As versões sem açúcar protegem, sim. Alguns componentes do chiclete (os ésteres de ácidos graxos) agem como um sabão, retirando a gordura presa nas paredes do dente - tanto que, se a indústria exagerar na dose desses produtos, a goma fica com gosto de detergente. Os chicletes com açúcar também fazem isso, mas causam cáries.

O que acontece se engolirmos o chiclete?

O cocô sai mais grudento. Ao contrário do que a maioria das mães pensa, o chiclete não gruda no estômago. Como é composto exclusivamente de produtos sintéticos, o chiclete é tão resistente que não pode ser dissolvido pelo nosso sistema digestivo. Ou seja, sai como entra.

Fonte:

http://mundoestranho.abril.com.br/alimentacao/pergunta_287305.shtml